Sexta-feira, 28 de Agosto de 2009

parecias o fábio coentrão. Na rua da Lua, sim. No beco do Seabra, dei-te um encontrão.

 

Quanto à discussão, ela estava a gritar comigo. Estava. Mas como eu sou uma pessoa muito zen (pausa para um pouco de tosse) nem dei conta disso. Agora apetece-lhe gritar comigo porque eu não dei conta. Caramba.



publicado por Tim. às 20:59 | link do post | comentar

2 comentários:
De plastessina a 30 de Agosto de 2009 às 11:20
ufa, eu vou admitir que só de há um bocadinho para cá é que percebi que vocês são mesmo duas tims. e então só agora é que entendi o post que tinha uma plastessina, vocês falam no modo misterioso e então eu não entendo. eu na altura dei uma resposta simpática porque me pareceu que seria uma coisa mais ou menos agradável e que não me achavam um pú, mas agora estou contente porque me faz mais sentido.


De Tim. a 31 de Agosto de 2009 às 18:29
basicamente não há que ter medo de ser um pú. toda a gente é um pú de vez em quando. até nós no nosso modo misterioso que não é assim tão misterioso. e é assim plastessina.


Comentar post

Julho 2011
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
14
15
16

17
18
19
20
21
22
23

24
25
26
27
28
29
30

31


arquivos

Julho 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

--